Liberdade de Ser e Estar

João 8:32 "E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará."


Sim. Quanto mais estudamos sobre a Espiritualidade, sobre a Vida, e passamos a nos conhecer melhor, nos sentimos mais livres para viver, para ser quem somos e para estar em qualquer lugar e estar bem. 
Nos conhecer é o processo da sua existência pela eternidade. Demanda amor próprio, respeito, trabalho, dedicação, paciência, compaixão, honestidade. É um processo que não acaba nunca, mas isso é o gostoso do processo, pois não somos um projeto acabado, nós vamos ainda muito além do que sequer podemos imaginar.



A verdade. Ironicamente, me lembrei do Credo dos Assassinos: "Nada é verdade, tudo é permitido." Não há essa verdade absoluta, pregada pelas religiões, mas há uma essência dela e como a interpretamos. A Verdade de nosso Ser é Luz. Isso eu posso dizer, mas não duvido que alguém discorde... Bem, não estou aqui para estabelecer "verdades absolutas e dogmáticas".

Este empreendimento nos leva ao conhecimento. Quanto mais conhecemos, mais nos enriquecemos. Nosso cérebro faz mais conexões, criamos mais "massa cinzenta". O conhecimento pode nos libertar. Conhecimento sobre a vida. Sobre nós mesmos. Conhecimento que nos leve a viver com mais empatia e respeito por todas as formas de vida. Indo muito além de qualquer preconceito. Mesmo que tenhamos nossos preconceitos em algum nível, nós podemos sim nos educar e não deixar que um pensamento limitado nosso nos aprisione e aos outros. Vamos lembrar que preconceito é ignorância e medo.

E se não permitirmos que nossos preconceitos nos aprisionem, e nem aos outros, estaremos um passo mais próximos da nossa liberdade de ser e estar no mundo... e mesmo além dele. Para isso, precisamos quebrar paradigmas, dogmas, padrões estabelecidos, desconstruindo conceitos e preconceitos, parando de adjetivar tudo e todos pela nossa ótica. Sejamos livres. 

Comentários

Postagens mais visitadas